quinta-feira, 4 de julho de 2013

Eu, outra vez...

            Olá! Sou eu outra vez… Desculpa se te vim incomodar!... Posso entrar? – No teu coração? Quero sair desta solidão…
            Tenho saudades tuas e da tua voz sabes? Desse sorriso idiota… Não sei o que fazes, mas não interessa! Toma nota: Eu Amo-te!

           Custou? Espero que não… Afinal é só uma palavra que não, não vale nada, mas representa um sentimento enorme e que, pelo menos para mim, vale muito…
            Queres saber um segredo? Tenho ciúmes da tua almofada! Nunca to disse com medo… mas é ela que dorme contigo em vez de mim! É tão injusto…! Eu sei que não faz sentido e que é descabido mas às vezes gostava de entrar na tua cabeça e ler os teus pensamentos! Saber se pensas em mim e em que momentos…
Adiante, não quero tomar o teu tempo… Não tenho conseguido tirar-te da minha mente! É verdade, não tento mas… era mesmo suposto tentar?! Queria que me compreendesse, sabes?
Pois…desculpa! Estou de saída… Que isto seja então a despedida… E desculpa então esta tão (pouco) longa visita. Até depois!


            (Era tão bom saber que nesta altura virias atrás de mim…)

Março, 2013

Sem comentários:

Enviar um comentário

deixa a tua opinião :))